sábado, 31 de janeiro de 2009

Sim

E tudo fica mais fácil quando se ouve um Sim. Você vai notar que a vida abre caminhos e as flores molduram as margens e perfumam o ar. Os rios perenizam-se na sutileza das ondas, que giram em redemoinhos. Depois de um Sim, você não terá pressa pra chegar mesmo sabendo que o temporal é iminente. Deixará que a água da chuva lave os cabelos e ajuste a roupa em sua pele. O sim renovará o sabor, e tudo que era deveras amargo se transpõe do fel ao mel. Você terá – na leveza das folhas que caem no outono e na sutileza da brisa das manhãs de inverno – o bailado da copa das árvores entregue ao vento. Então entenderá o mistério do jogo entre sombra e luz com os quais o sol brinca nas tardes de verão. Sim! Você vai perceber que tudo isso sempre esteve ali diante dos olhos, e o Sim não o trouxe até você, permitiu apenas que você o alcançasse na simplicidade ingênua do cotidiano.
Por Nilson Ribeiro & Rogério Godinho

14 comentários:

Gonçalves Ozório disse...

Sim! Mas não. Mas sim! E não. Sim, sim. Não, não. Mas sim. Não. Pois sim. Pois não.

Palatus disse...

Valeu, Ozório...muito pertinente o jogo das palavras monossilábicas que usou de modo inteligente. Obrigado. volte sempre!

Las Cosas De Lua disse...

Gracias por visitar mi blog ,vuelve cuando quieras .Te dejo un gran abrazo.

Tati Martins disse...

Olá, Palatus! Só hoje vi sua visita ao meu blog e seu comentário. Como deve ter visto lá, estava de férias. Agora de volta comecei a colocar em dia os assuntos digitais - rsrsrsr.
Vc não tem idéia como é bom começar o ano letivo com um elogio como o que fez ao meu modo de atuar como professora. Muito obrigada mesmo. Espero poder contribuir para o crescimento de muitos e crescer tb com todos com os quais interajo.
Curiosidades... Tenho parentes em Feira de Santana, Conceição de Feira, Santo Amaro e Salvador - rsrsrsr. Meus pais e irmãos são baianos (eu, a única carioca!)
Minha filha vai passar o carnaval na Ilha de Itaparica com primos e deve dar uma passada em Conceição de Feira. Se não for contramão para vc, podemos nos comunicar para lhe mandar um livro de minha autoria sobre o fazer poético. Acho que vai gostar.
Um beijinho!
Fico aguardando o seu contato.

Tati Martins disse...

Oi, Nilson!
Engraçado, tinha visto seu nome no perfil (foi onde descobri que é de Feira de Santana), mas Palatus ficou mais forte e te chamei assim.
Meu email é tatianemomartins@gmail.com
Um beijinho

Georgio Rios disse...

Nilson, meu caro amigo.Eu confesso que quando venho aqui, e tenho que vir mais vezes, sempre me surpreendo bastaante!!!!

Palatus disse...

Hola, "De Lua"!, Gracias por visitar el Palatus. Me queda mucho encantado con tu tus palabras. Volver cuando quicieras!
Besitos!

Palatus disse...

Amiga Tati, agradecido estou eu pelo belo presente. Farei o possível pra recebê-lo assim que sua filha vier a BA.Vou enviar um e-mail.
Quanto ao nome, não há problemas...adorei ser chamado assim; é a primeira pessoa que me usa tal vocativo. Genuíno!
Beijão!

Palatus disse...

Amigo Georgio,

Surpreso fico eu com belas poesias, algumas de arrepiar. Não conhecia esse poeta tão bem criado!
Ah, estou viciado no Operandi...isso tem cura?
Abraço!

Emanuela disse...

Olá.De fato, um sim faz muita diferença.Dá novo brilho ao olhar.Gostei!
Abraço

Palatus disse...

E não é que dá mesmo, Emanuela?
Abraço

Anônimo disse...

Meu caríssimo,

Eu nada sei de novo do Concurso, e olhe que eu vivo perguntando e perguntando... Quanto ao Blogger, eu estou passando por uma série de mudanças, incluclusive de endereço, por isso não tenho atualizado muito as coisas, mas prometo fazê-lo assim que poder e o mais breve possível... no mais acesse http://sopadepoesia.zip.net/arch2008-11-16_2008-11-22.html e leia esta entrevista que eu concebi ao poeta e jornalista Gustavo Felicíssimo... e se queiseres publicá-la em algum lugar fique à vontade contanto que lhe atribua os devidos créditos.

Um abraço,

Silvério Duque

Felipe Drummond disse...

O sim fascina pela disposição. Falar um não é muito fácil. Não constrói.

Me lembrou também, e lá vai meu olhar adestrado para o inusitado, o filme q saiu agora que o personagem só fala sim. Disseram-me que é bom...

Palatus disse...

Oi Filipe,

Fiquei curioso para saber o nome do filme...valeu!